CONFIRA NOSSA AGENDA

Agenda

A Companhia


Conheça a história da Odeon Companhia Teatral.

Saiba mais

JUSTA | TEATRO | 21 de Outubro à 19 de Novembro

 

JUSTA-fotoElisaMendes-16

No dia 21 de Outubro de 2017 estreou no CCBB RJ o novo espetáculo da Odeon Companhia Teatral, JUSTA.

Justa é uma peça-manifesto, um berro, nossa tentativa de criar uma alegoria cênica do esgotamento ético em que estamos mergulhados e principalmente da urgência de um reencantamento com a beleza da justiça.

Através da investigação de crimes contra políticos brasileiros, um oficial justiceiro vai encontrar um amor improvável e se deparar com a recorrente pergunta de nosso imaginário como nação:

Haverá alguém não corruptível neste país?

Serviço:

O novo projeto se iniciou em torno do tema da prostituição. Mas estávamos interessados em, através deste mote, pensar uma crônica política dos nossos tempos. Contaminados pelo momento crítico que  atravessamos e soterrados pelas camadas de corrupção que inviabilizam este país, sonhávamos com novos paradigmas para nosso ideal de justiça. Não tínhamos respostas, mas sabíamos que é fundamental encontrar um meio de exterminar os valores da velha política para começar um novo projeto de nação; esta é a metáfora que nos interessa.

E vestimos nossa peça-manifesto de uma fábula com tons de noir investigativo, apimentado por uma paixão destruidora, dando espaço aos clamores do feminino na voz e corpo destas putas (alegorias do povo brasileiro), e do reencontro de um filho com sua mãe, ou melhor, de um povo com sua pátria. JUSTA é nossa alegoria cênica do esgotamento ético em que estamos mergulhados e da urgência de um reencantamento com a beleza da justiça; e com nosso país.

EQUIPE
Texto: Newton Moreno

Direção Geral de Carlos Gradim.

Elenco: Yara de Novaes e Rodolfo Vaz.

DURAÇÃO: 90 minutos
LOCAL: Teatro 3 CCBB. Centro Cultural Banco do Brasil –  R. Primeiro de Março, 66 – Centro – Rio de Janeiro/RJ

TEMPORADA: 21 de outubro a 19 de novembro.
Dias e horários: quarta a domingo às 19h30.
VALOR: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada).
CLASSIFICAÇÃO ETÁRIA: 18 anos.

INFORMAÇÕES:
www.institutoodeon.com.br

Saiba mais




cobra canoa referencia

DJA GUATA PORÃ | RIO DE JANEIRO INDÍGENA

Dja Guata Porã | Rio de Janeiro indígena trata da história do estado do Rio como história indígena. Concebida a partir da colaboração de povos, aldeias e indígenas que residem no estado ou na capital carioca, a exposição é fruto de um processo de diálogo conduzido entre 2016 e 2017 pela equipe de pesquisa, curadoria e educação do MAR.

SERVIÇO
A exposição está em cartaz até o dia 04/03/2018 no Museu de Arte do Rio – MAR, cuja gestão é realizada pelo Instituto Odeon.
Museu de Arte do Rio
Praça Mauá, 5, Centro – CEP 20.081-240 – Rio de Janeiro/RJ
(21) 3031 2741
Horários de visitação: terça a domingo (incluindo feriado), de 10h às 18h (acesso até às 17h)
Ingressos: R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia)
Para mais informações, acesse: museudeartedorio.org.br

Saiba mais




DENTRO-08

PROGRAMA SALA DE ENCONTRO | DENTRO

Dentro é a primeira mostra do programa Sala de Encontro do MAR. Foi desenhada como conjunto plural que reúne, justapõe e integra em um vasto campo poético, obras que proporcionam abordagens situadas além da mera contemplação, convidando o público à reflexão e mergulho no universo complexo da arte.

A Sala de Encontro 
Sala de Encontro é um espaço imersivo dedicado a exposições especiais que propõem um encontro direto e intenso com o universo poético, plural e híbrido da arte. Destina-se a todos – e em especial a crianças e jovens – e visa explorar e incitar a criação de meios de experimentação e reflexão em torno da arte. Abre uma nova perspectiva de ação para o espaço expositivo do museu, buscando aprofundar conceitos básicos do projeto do MAR: democratização do sistema e do instrumental da arte.
Nosso desejo é que esse espaço funcione como um campo experimental de troca e aprendizado entre dois mundos: o da arte e o de quem a experimenta, o da linguagem aberta da arte e o da linguagem que configura-se como instrumento e lugar do sujeito no mundo, o de um museu socialmente ativo e o de seu público.

SERVIÇO
A exposição está em cartaz no Museu de Arte do Rio – MAR, cuja gestão é realizada pelo Instituto Odeon.
Museu de Arte do Rio
Praça Mauá, 5, Centro – CEP 20.081-240 – Rio de Janeiro/RJ
(21) 3031 2741
Horários de visitação: terça a domingo (incluindo feriado), de 10h às 18h (acesso até às 17h)
Ingressos: R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia)
Para mais informações, acesse: museudeartedorio.org.br

Saiba mais




00000eb0

DA ABSTRAÇÃO AO NEOCONCRETISMO: UMA HOMENAGEM A DÉCIO VIEIRA

Esta exposição é um dos frutos da profícua parceria firmada em 2016 entre o Sistema Fecomércio RJ, por meio do Sesc, e o Museu de Arte do Rio – MAR. Focada no projeto Partiu MAR!, programa de formação continuada de professores e visitas educativas ao museu, a parceria estende-se também ao programa curatorial, permitindo que sejam realizadas exposições de forma conjunta, de modo a ampliar o alcance deste programa para além da capital carioca.

A mostra parte de um marco fundamental para a história da arte brasileira, a 1ª Exposição nacional de arte abstrata, realizada aqui, no Palácio Quitandinha, em 1953. Sob a organização geral de Edmundo Jorge e Décio Vieira – e por meio de articulações que envolveram também a Associação Petropolitana de Belas Artes e o Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro –, a exposição foi um dos momentos inaugurais de afirmação social de uma arte não figurativa no Brasil.

SERVIÇO
A exposição está em cartaz até o dia 08/10/2017 no SESC Quitandinha.
Av. Joaquim Rolla, n º 2 – Petrópolis/RJ
(24) 2245-2020
Horários de visitação: Terças, de 9h às 18h. | Quarta a domingo e feriados, 9h às 22h.
Ingressos: R$8,00 (inteira) e R$4,00 (meia)

Saiba mais




Lugares do Delírio

img_0421_alta_0

Num momento de desafios cotidianos ao que outrora pode ter parecido uma ideia inquestionável de racionalidade – como nos episódios recentes de intolerância que têm produzido violências inadmissíveis em escala local e global –, o MAR inaugura seu programa de exposições de 2017 com uma mostra dedicada ao delírio, força criadora que concerne a todos em sua capacidade política de reposicionar a razão.

SERVIÇO
A exposição está em cartaz até o dia 18/06/2017 no Museu de Arte do Rio – MAR, cuja gestão é realizada pelo Instituto Odeon.
Museu de Arte do Rio
Praça Mauá, 5, Centro – CEP 20.081-240 – Rio de Janeiro/RJ
(21) 3031 2741
Horários de visitação: terça a domingo (incluindo feriado), de 10h às 18h (acesso até às 17h)
Ingressos: R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia)
Para mais informações, acesse o site do Museu de Arte do Rio – MAR.

Saiba mais




O nome do medo | Rio de Janeiro

O NOME DO MEDO-41

 

Em O nome do medo, Rivane Neuenschwander, operando nos interstícios da palavra e da imagem, disponibiliza seu instrumental poético para um mergulho na história e na experiência do outro – crianças reunidas em oficinas no Museu de Arte do Rio e na Escola de Artes Visuais. Tendo como elemento detonador o medo e a elaboração textual e visual de seus universos íntimos, essas crianças – com a reelaboração de todo o material pela artista – fazem emergir aos nossos olhos as funções renovadas e renovadoras da arte ao gerar meios individuais e coletivos de criação de aparatos de linguagem para a nomeação e reinvenção do mundo.

SERVIÇO
A exposição está em cartaz até o dia 16/07/2017 no Museu de Arte do Rio – MAR, cuja gestão é realizada pelo Instituto Odeon.
Museu de Arte do Rio
Praça Mauá, 5, Centro – CEP 20.081-240 – Rio de Janeiro/RJ
(21) 3031 2741
Horários de visitação: terça a domingo (incluindo feriado), de 10h às 18h (acesso até às 17h)
Ingressos: R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia)
Para mais informações, acesse o site do Museu de Arte do Rio – MAR.

Saiba mais




MEU MUNDO TEU – ALEXANDRE SEQUEIRA

ale

Foi com uma pedrada que Alexandre Sequeira conheceu Jefferson Oliveira. O menino estava trepado numa árvore da Ilha do Combu, bairro da periferia de Belém, e não teve dúvidas quando viu o estranho se aproximar. Se a pedra atirada foi o pretexto que Alexandre precisava para estabelecer um diálogo com o garoto então desconhecido, por sua vez, a câmera fotográfica do artista foi o dispositivo que possivelmente fez com que fosse imediato o desejo de prolongamento dessa conversa por parte do menino. Mas o tal diálogo, ficamos sabendo, não era exatamente entre Jefferson e Alexandre, senão entre o garoto e Tayana Wanzeler – moradora do bairro Guamá, a muitos quilômetros de distância, na outra margem do rio –, a quem o artista conhecera anteriormente, durante uma oficina de desenhos. Alexandre e sua câmera eram os mensageiros e os mediadores da relação entre os dois adolescentes, que só viriam a se conhecer aproximadamente um ano depois da pedrada, quando já haviam trocado dezenas de cartas e criado imagens em conjunto, sobrepondo – e, assim, conjugando – a realidade de um na fantasia do outro. À vivência com Tayana e Jefferson, Alexandre Sequeira deu o nome de Meu mundo teu, expressão que aprendera com o garoto.

SERVIÇO
A exposição está em cartaz até o dia 26/2/2017 no Museu de Arte do Rio – MAR, cuja gestão é realizada pelo Instituto Odeon.
Museu de Arte do Rio
Praça Mauá, 5, Centro – CEP 20.081-240 – Rio de Janeiro/RJ
(21) 3031 2741
Horários de visitação: terça a domingo (incluindo feriado), de 10h às 18h (acesso até às 17h)
Ingressos: R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia)
Para mais informações, acesse o site do Museu de Arte do Rio – MAR.

Saiba mais




Leopoldina, princesa da Independência, das artes e das ciências

Leopoldina

O Museu de Arte do Rio inaugura O Museu de Arte do Rio inaugura Leopoldina, princesa da Independência, das artes e das ciências. Para apresentar ao público a vida de uma das personalidades mais importantes no processo de emancipação do Brasil às vésperas da efeméride dos 200 anos de sua chegada ao Rio, em 5 de novembro de 1817, a exposição reúne aproximadamente 350 peças – entre obras de arte, iconografia, documentos, vestuário e mobiliário, além de itens de botânica, zoologia e mineralogia.

SERVIÇO
A exposição está em cartaz até o dia 26/03/2017 no Museu de Arte do Rio – MAR, cuja gestão é realizada pelo Instituto Odeon.
Museu de Arte do Rio
Praça Mauá, 5, Centro – CEP 20.081-240 – Rio de Janeiro/RJ
(21) 3031 2741
Horários de visitação: terça a domingo (incluindo feriado), de 10h às 18h (acesso até às 17h)
Ingressos: R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia)
Para mais informações, acesse o site do Museu de Arte do Rio – MAR.

Saiba mais